Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

daraopedal.pt

daraopedal.pt

13
Nov16

Lisboa a Badajoz de bicicleta - etapa 01 - Montijo a Pegões

daraopedal

Antes de mais convém esclarecer que não foi bem o Lisboa - Badajoz, mas antes um Montijo - Badajoz. Vir da zona norte para Lisboa só para fazer a travessia de barco do Tejo representava um atraso no planeado, assim optamos por começar logo na outra margem do Tejo.

O percurso do Lisboa - Badajoz estava nos planos há já uns anos, praticamente desde que o divulgador do trajeto e autor do blogue 100 dias de bicicleta em Portugal começou a dá-lo a conhecer na web. Ainda fiquei com mais vontade depois de ouvir alguns comentários dos colegas do BTT Arouca, quando este o fizeram. Até já tinha data quase marcada há 2 anos atrás para fazê-lo, mas os problemas logísticos relativos ao transporte para o regresso adiaram essa vontade. Este ano, quase do nada, a possibilidade proporcionou-se para fazê-lo com um carro de apoio. Essa condição facilitou-nos imenso a tarefa, até porque não tínhamos muito bem noção das etapas e distância que poderíamos fazer. O site do percurso realizado em 2012 para a divulgação do percurso foi feito em 7 dias, com 7 etapas distintas, mas nós dispúnhamos apenas de 5 dias e não sabíamos muito bem como dividir as etapas. A solução foi pegar no mapa e olhar para as cidades/vilas que ficavam pelo caminho para gerir a questão do alojamento e alimentação.

Ficaram assim delineadas as seguintes etapas:

1 - Montijo - Pegões

2 - Pegões - Coruche

3 - Coruche - Mora

4 - Mora - Estremoz

5 - Estremoz - Badajoz

Depois de estar no terreno, acabamos por fazer etapas diferentes do que estava previsto, num dos casos por termos tido um problema mecânico que obrigou a perder uma manhã a arranjar a bicicleta e noutros casos por estarmos com melhor andamento do que o previsto.

Mas vamos à primeira etapa propriamente dita. Por uma questão prática iniciamos a aventura junto ao shopping do Forum Montijo. Depressa entramos em caminhos secundários depois de passarmos as áreas industriais e seguimos por estradões e caminhos secundários.

Lx_bjz_etapa1_01.JPG

A partida foi dada junto ao shopping no Fórum Montijo.

Lx_bjz_etapa1_02.JPG

Depois de passarmos uma zona de fábricas, depressa entramos em caminhos de terra batida.

Lx_bjz_etapa1_03.JPG

No horizonte, a vista para o alto do castelo de Palmela.

Lx_bjz_etapa1_04.JPG

Seguimos durante uns tempos junto à linha de comboio.

Lx_bjz_etapa1_05.JPG

Paisagem da península de Setúbal.

Lx_bjz_etapa1_06.JPG

Encontramos também várias partes de caminhos de areia onde a progressão se tornou algo mais complicada.

Lx_bjz_etapa1_07.JPG

As vinhas são uma presença frequente nesta parte do troço.

Lx_bjz_etapa1_08.JPG

Do lado norte do trilho, uma extensa áreas vedada para a pecuária. Centenas de cabeças de gado pastam livremente, com a curiosidade de estarem acompanhadas por aves que, pousadas nos seus dorsos, vão catando os parasitas que as incomodam.

Lx_bjz_etapa1_09.JPG

Entramos então na maior reta do percurso: foram quase 9 km sempre a pedalar a direito.

Lx_bjz_etapa1_10.JPG

Passagem por um túnel debaixo da linha, muito perto do Poceirão.

Lx_bjz_etapa1_11.JPG

Curiosidade: o túnel está aberto ao trânsito automóvel e isso obrigou-se a apressar-me por uma carrinha que vinha atrás de mim.

Lx_bjz_etapa1_12.JPG

Vinhas a perder de vista.

Lx_bjz_etapa1_13.JPG

Passagem pela área da propriedade da Casa Ermelinda Freitas.

Lx_bjz_etapa1_14.JPG

Mesmo junto à adega em Fernando Pó. Ficou a faltar a paragem para a prova de vinhos.

Lx_bjz_etapa1_15.JPG

Entrada na freguesia de St. Isidoro de Pegões.

Lx_bjz_etapa1_16.JPG

Paragem na igreja de St. Isidoro de Pegões.

Lx_bjz_etapa1_17.JPG

A igreja tem uma arquitetura muito original.

Lx_bjz_etapa1_18.JPG

Passagem por cima da A13.

Lx_bjz_etapa1_19.JPG

Chegada a Pegões.

Lx_bjz_etapa1_20.JPG

Junto ao cruzamento da EN 10 com a EN 4.

Lx_bjz_etapa1_21.JPG

Seguimos ainda mais uns 9 quilómetros depois de Pegões até ao Monte da Charca.

Lx_bjz_etapa1_22.JPG

O alojamento tem instalações simples, mas o sossego e paz que ali se fazem sentir são o maior luxo do qual se pode usufruir. Adoramos!

Lx_bjz_etapa1_23.JPG

O totais do dia: quase 59 km. A etapa foi curta mas foi o ideal devido ao tempo limitado, já que viajamos do Norte do país até ao Montijo e isso levou quase toda a manhã.

Lx_bjz_etapa1_24.JPG

O percurso foi integralmente feito da parte da tarde.

 

Instagram

Sigam-me

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

subscrever feeds

whosamongus